quarta-feira, setembro 20, 2006

A RESSACA DE QUATRO ANOS

Tenho ouvido de alguns eleitores e amigos que o sapo barbudo já está eleito. Tenho aguentado centenas de idiotas que entram neste blog durante a semana com comentários pró-apedeuta. Tenho suportado tantas provocações e brincadeiras sobre Geraldo Alckmin que perdi o ânimo de discutir, simplesmente olho através do interlocutor, como se estivesse diante de uma parede de vidro.


A realidade, no entanto, é diferente, se Lulla for eleito, teremos 4 anos de catástrofe eleitoral. Disse no post anterior que faltam quadros ao PT. É verdade, mas também faltam governadores e faltarão senadores e deputados. Assim dizem as pesquisas, que não mostram um candidato petralha com chances reais de ganhar algum governo estadual.


Ora essa! deixemos as paixões de lado, um levantamento no Estdado de São Paulo, confirma que o pior está para acontecer ao PT, que poderá no futuro ser a bancada minoritária no Congresso Nacioal. O partido perderá cadeiras importantes e alidados mais importantes ainda, sairá fortalecido o PFL que, mantidas as chances detectadas em pesquisa terá a maior bancada no Senado.


Pense por um minuto caro e-leitor, que chances terá um governo fraco de caráter, com a maioria nas mãos da oposição?


Serão quatro anos de fim de mandato. Quatro anos de CPI's, programas parados, votações bloqueadas, dinheiro desviado e tudo de ruim que costuma acompanhar situações como esta.


Temor maior do governo é "day after" eleitoral


KENNEDY ALENCAR
Colunista Folha Online

A cúpula do governo avalia que o escândalo do "Dossiê Tabajara" não afetará o favoritismo eleitoral do presidente Luiz Inácio Lula,mas dificultará ainda mais a tentativa de um acordo com setores da oposição em torno de uma agenda congressual comum. Leia mais (19/09/2006 - 20h55)


4 comentários:

Aluizio Amorim disse...

Salve, Carl:

o segundo turno nuna esteve tão próximo. Vai dar segundo turno sim. A prova disso são essas tentativas de turbar o processo eleitoral e criar armações. Tivessem eles seguro de faturar num só turno, estavam tranqüilos. Mas não estão. Quem está desesperado são eles. Informe como está sua campanha. Já tive uma experiência como candidato naquela eleição do Covas para presidente.
Fazer polític partidária, é dose. Tem de ter estômago e, sobretudo, um bom esquema financeiro.
Desejo sucesso para vc.

abs
Aluízio Amorim
http://oquepensaaluizio.zip.net

Eduardo Levy disse...

Olá, Carl.
Sinceramente, eu ainda acho que isso seria bom. Meu medo maior é não haver CPI nenhuma por também não existir congresso nenhum....
um abraço

Nat disse...

Carl, será que esta ressaca durará mais 4 anos? Haja fígado!!!

Kika Albuquerque disse...

COMEÇOU A CAMPANHA VIRTUAL "DE ONDE VEIO O DINHEIRO?"

Vc pode pegar o selo no meu blog, ou no da Nariz Gelado.

Bjs

Kika